Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




chá limão.jpg

 Limão – Antioxidante. Calmante. Combate a acidez orgânica.

"Pratique o escutar com compaixão. Resista a interromper a sua própria opinião. Simplesmente mantenha o contato olho a olho e esteja lá para o dono da palavra"

Autoria e outros dados (tags, etc)


Tempo de sair

todosdias, em 31.10.14

tumblr_ndx2exdqzU1qa11wdo1_1280.png

Ando confusa a respeito de algumas decisões importantes, preocupada com o impacto que elas podem ter nas nossas vidas. Tenho ponderado, analisado, estou preocupada, aflita, enervada e stressada. No entanto tenho que fazer um esforço e resistir a este impulso que me atormenta. Vou sair, investir um pouco do nosso tempo em nós e no nosso bem estar. Quando saímos do nosso próprio caminho, as soluções vêm até nós quando menos esperamos. Acredito que sim. E é assim mesmo!

 

Fim de Semana fora! Bora lá!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


O oceano

todosdias, em 30.10.14

kk.jpg

 

"A vida deixa-nos cicatrizes. É inevitável. Aprendemos a viver com essas cicatrizes, ou elas nos matam muito antes de realmente morrermos. As pequenas cicatrizes, as grandes cicatrizes, as longas e profundas como o oceano, elas definem-nos; elas tornam-se uma parte do nosso mapa da vida." Jonathan Carroll

Estas palavras encontraram-me. Inevitável a diferença entre sermos-nós a carregar as nossas cicatrizes ou elas nos carregarem a nós.

Autoria e outros dados (tags, etc)


A praticar

todosdias, em 29.10.14

wish.jpg

A cada pensamento pessimista que cruza a minha mente perco energia, perco alegria de viver, perco fé. Mas há outras opções, posso inverter essa tendência e sorrir a cada pensamento desses, descartando-os.

Um desafio para praticar todos os dias. E é assim mesmo!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


(re)agir

todosdias, em 28.10.14

(re)agir.jpg 

"...o único critério que nos ajuda a seguir em frente não é fazer o que apetece, mas aquilo que é preciso. Quando estamos tristes apetece-nos baixar os braços e é humano que assim seja, mas é justamente nestes momentos que mais precisamos de reagir." Laurinda Alves

Estas palavras encontraram-me, estou cansada de reclamar da vida, um dia após o outro, pouco ou nada tenho feito para mudar o que não me apetece, tenho andado ao sabor do que é preciso. O problema é que os dias insistem e persistem que eu faça as mesmas coisas e esteja neste estado de espera que o melhor chegue caído do céu. Reclamo que ele não arranja trabalho, reclamo que o meu trabalho está nesta indefinição, reclamo dos dias que passam sem saber o que realmente quero para mim e pergunto-me se sei o que realmente não quero.

Reagir...mas como? Bolas! Ando às voltas...sei que nada muda sozinho, nada se resolve sozinho, nada vai acontecer se eu não fizer a minha parte. Apesar desta tristeza, apesar desta espera me fazer baixar os braços uma coisa é certa vou ter que parar de reclamar da vida, se realmente quero que alguma coisa mude. Sei que não está a ser nada fácil, mas vale a pena tentar. E é assim mesmo!



Autoria e outros dados (tags, etc)

aa.jpg

Quando a meio da noite um vizinho nos bate à porta a dizer que está a "chover" na casa de banho e nós não temos sinal de "inundação" em casa, a coisa fica complicada. Nada que já não tivéssemos à espera, afinal a casa já tem 22 anos, mais tarde ou mais cedo iria acontecer.

# passo 1

Verificar se a apólice de seguro cobre o sinistro.

Todos os anos reclamo o valor a pagar mas não há duvida que é um descanso. Começou por ser um simples seguro de incêndio (obrigatório a quando da escritura) e que graças a Deus resolvi actualizar à uma boa dúzia de anos cobrindo recheio e outros sinistros.

 

# passo 2

Contactar a companhia a reportar o sinistro.

Em menos de 24h, agenda a peritagem. 80% da avaliação foi logo efectuada, no entanto tive que contactar a companhia das águas para substituírem a torneira do contador porque a mesma não estava a fechar correctamente e impossibilitava a realização do teste de pressão.

Aqui foi a parte em que me passei, o contador tinha sido substituído à pouco tempo, porque é que o senhores dos serviços municipalizados não substituíram tudo de uma vez. Grrrrrrr. Resultado: mais despesa e só consegui a avaliação definitiva dois dias depois da primeira peritagem.

 

# passo 3

Avaliar o diagnóstico da companhia a ponderar a possibilidade de fazer algumas melhorias.

O problema residia nos esgotos da casa de banho, a companhia de seguros assegurou toda a canalização nova, mosaicos novos para o chão além da reparação do tecto do vizinho.

Como a banheira já apresenta sinais de velhice, ainda ponderámos a substituição da mesma, e a remodelação completa da casa de banho. Sabíamos que eram verbas que a companhia de seguro não contemplava, mas como o chão ia ser todo partido, resolvemos fazer uma análise a esse respeito. No entanto os orçamentos apresentados pareceram-nos muitos caros e estavam muito acima do nosso budget. Optamos apenas por suportar os 10% da franquia. 

Não abandonámos a ideia de trocar a banheira (inclusivamente quando fomos escolher os mosaicos para o chão comprámos mais duas caixas para colocarmos igual na outra casa de banho) vamos é tentar encontrar alternativas mais económicas.

 

# passo 4

Agendamento e execução da obra.

Foi tudo efectuado em apenas dia e meio. Profissionais fantásticos, muito cuidadosos e responsáveis. Canalização nova, chão novo e reparação da casa do vizinho (que incluiu pintura de tecto e colocação de novo tecto falso)

 

Numa semana tenho a casa de banho como nova. Já passei por situações complicadas com seguros o que me deixou muito angustiada quando o meu vizinho me bateu à porta pela primeira vez. Mas desta vez, correu muito bem e até superou as minhas expectativas. É caso para dizer "há males que vem para bem".

Estou grata.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pág. 1/4



Mais sobre mim

foto do autor


Preserverança

" Jogo a minha rede no mar da vida e às vezes, quando a recolho, descubro que ela retorna vazia. Não há como não me entristecer e não há como desistir. Deixo a lágrima correr, vinda das ondas que me renovam, por dentro, em silêncio: dor que não verte, envenena. O coração marejado, arrumo, como posso, os meus sentimentos. Passo a limpo os meus sonhos. Ajeito, da melhor forma que sei, a força que me move. Guardo a minha rede e deixo o dia dormir. Com toda a tristeza pelas redes que voltam vazias, sou corajosa o bastante para não me acostumar com essa ideia. Se gente não fosse feita pra ser feliz, Deus não teria caprichado tanto nos detalhes. Perseverança não é somente acreditar na própria rede. Perseverança é não deixar de crer na capacidade de renovação das águas. Hoje, o dia pode não ter sido bom, mas amanhã será outro mar. E eu estarei lá na beira da praia de novo. " Ana Jacomo

Direitos de autor

* Todas as fotos/imagens que tenham "todososdias" são minhas. Todas as outras, são retiradas da internet e estão aqui porque aparentemente são públicas. * Qualquer correção na citação da autoria (imagens ou mensagens) é só entrar em contato para eu poder corrigir.


Dias antigos

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D


Recortes_Sapo_Out12

recortes_sapo_ago14

destaques_Sapo_Dez14

Conta todos