Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




dos primeiros dias de agosto* [2]

todosdias, em 08.08.17

ericeira.jpg

 

Coisas boas da vida: sermos turistas na nossa terra.

 

*com vento e chuva, levou-nos a ir para fora cá dentro. Invistir mais em quem sou por dentro é sem duvida uma grande inspiração para os dias de agosto. E é assim mesmo!

Autoria e outros dados (tags, etc)


dos primeiros dias de agosto* [1]

todosdias, em 07.08.17

book.png

 

Repousar da vida e do mundo, nós três...não têm preço nem descrição possível

 

*apesar de acabarem por ser muito menos dias do que estávamos a contar, pelos melhores motivos, nem o vento conseguiu ser mais teimoso do que nós. Tudo é possível para quem acredita. E é assim mesmo!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Inspiração para agosto*

todosdias, em 02.08.17

hortenses.jpg

 

*lembrar-me que a vida não é uma série de eventos aleatórios, mas um caminho de despertar. Este caminho garante que nunca envelhecerei, que continuarei a crescer sempre. Só eu tenho a capacidade de personalizar o meu próprio ciclo de vida. Sou tão grata por essa sabedoria e sei que esta é a hora de o fazer. E é assim mesmo!

 

``as hortências são em agosto as rainhas dos jardins, são a minha paixão...gosto delas de todas as cores``

Autoria e outros dados (tags, etc)


#querido agosto - (re)começar

todosdias, em 01.08.17

ericeira.jpg

 

" Quando puderes, recomeça. Faz outra vez. Esquece o que te fez andar para trás e anda para a frente.

Quando puderes, recomeça. Decide como se fosse a primeira vez. Prepara-te como se fosse a primeira aventura. Olha como se fosse o primeiro de todos os dias.

Quando puderes, recomeça. Sem atropelar o que te fez chegar até aqui e sem perder o que te há-de levar onde ainda não sabes que vais chegar.

Quando puderes, recomeça. Faz do medo uma pulseira e usa-o preso ao braço para te lembrares sempre que és tu que o prendes e nunca ele que te prende a ti.

Quando puderes, recomeça. Faz da dúvida um pássaro de origami e deixa-o voar num qualquer céu que não seja o teu. Que não sejas tu.

Quando puderes, recomeça. Respira fundo e levanta-te sempre como quem nunca chegou a cair.

Quando puderes, recomeça. Desiste do que te fez e faz andar em círculos e agarra o que te vai fazer quebrar a corrente.

Quando puderes, recomeça. Espera que a maré suba e mergulha como quem recebe o que a vida tiver para oferecer.

Quando puderes, recomeça. Leva aos outros o que achas que te deviam ter trazido a ti.

Quando puderes, recomeça. Solta as amarras do que te faz recuar.

Quando puderes, recomeça. Duvida do que pensas ser teu para sempre. Duvida das promessas e das garantias. Duvida da perfeição. Duvida de quem nunca tem dúvidas.

Quando puderes, recomeça. Põe sempre um pé atrás mas nunca ponhas os dois.

Quando puderes, recomeça. Surpreende-te com o que já tinhas visto e deslumbra-te com o que fez sempre parte de ti.

Quando puderes, recomeça. Aprende palavras novas. Aprende as pessoas. Aprende os países que visitares. Principalmente o teu.

Quando puderes, recomeça e prepara-te para descobrir que, afinal, ainda não sabes nada.

Quando puderes, recomeça. Como quem não tem medo de nascer outra vez.

Quando puderes, recomeça. Põe sempre um pé atrás mas nunca ponhas os dois.

Quando puderes, recomeça. Surpreende-te com o que já tinhas visto e deslumbra-te com o que fez sempre parte de ti.

Quando puderes, recomeça. Aprende palavras novas. Aprende as pessoas. Aprende os países que visitares. Principalmente o teu.

Quando puderes, recomeça e prepara-te para descobrir que, afinal, ainda não sabes nada.

Quando puderes, recomeça. Como quem não tem medo de nascer outra vez." M.Arrais

 

E é assim mesmo!

Autoria e outros dados (tags, etc)


O meu caminho

todosdias, em 15.02.17

caminho.jpg

É a minha vida, as minhas regras. O meu caminho.

Duvido de quem me diz que não vou conseguir. Que é difícil. Que não vai correr bem. Como podem saber, se o meu caminho é único e só eu sei o que sinto e o que quero?

Duvido de quem fala mal, por isso escolho os que me fazem bem porque esses sim são os que me dão mais força para ser feliz. Esses são os que caminham ao meu lado. O meu mapa. A minha bússola. O meu caminho. E é assim mesmo!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Marimbar

todosdias, em 13.02.17

marimbar2.jpg

" Quem quer ser feliz tem de aprender a marimbar-se! Há um "verbo" que tem de urgentemente de aprender a conjugar todos os dias se quiser definitivamente ser feliz. O verbo "marimbar"! E depois faça obscenamente uso dele. Torne-o viral no seu mundo. E transforme sua vida num marimbar constante de tudo e de todos. Marimbe-se do que pensam de si. Marimbe-se daquilo que os outros acham que está certo ou errado! Marimbe-se para o politicamente correcto ou socialmente incorreto! Marimbe-se para a loiça que ficou por lavar, a roupa por passar! Marimbe-se muito até à exaustão e veja como tudo melhora à sua volta.  

Porque quem se marimba muito, assusta e desmotiva os que nos procuram só para destabilizar. Os que não poupam uma oportunidade para nos diminuir, fazendo-nos sentir frágeis e impotentes. Aqueles que se divertem a puxarem-nos para trás ,com suas palavras mansas, falsamente amigas, só para não conseguirmos ser melhores que eles.  
Porque quem se marimba demonstra segurança. Transpira amor próprio. É bulldozer a trilhar a vida. E só pára quando já não há mais mato para desbravar!  
E com tamanho antídoto contra hipócritas, inesperadamente verá sua vida florescer, ganhar cor, ofuscar de brilho. E a felicidade, essa tão matreira criatura, sairá ao seu encontro quando menos esperar. E seja muito feliz...
Marimbando-se!" C. Miranda in Aguarelas de uma vida
 
Estas palavras encontraram-me...para mim é sem duvida dificílimo de praticar, eu sou mesmo o oposto das pessoas que se marimbam, no entanto aceito que se eu conseguir me marimbar algumas vezes vou ser mais feliz. Tudo se resume a um ponto de equilibrio.
 
A aprender a conjugar o verbo marimbar!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Preserverança

" Jogo a minha rede no mar da vida e às vezes, quando a recolho, descubro que ela retorna vazia. Não há como não me entristecer e não há como desistir. Deixo a lágrima correr, vinda das ondas que me renovam, por dentro, em silêncio: dor que não verte, envenena. O coração marejado, arrumo, como posso, os meus sentimentos. Passo a limpo os meus sonhos. Ajeito, da melhor forma que sei, a força que me move. Guardo a minha rede e deixo o dia dormir. Com toda a tristeza pelas redes que voltam vazias, sou corajosa o bastante para não me acostumar com essa ideia. Se gente não fosse feita pra ser feliz, Deus não teria caprichado tanto nos detalhes. Perseverança não é somente acreditar na própria rede. Perseverança é não deixar de crer na capacidade de renovação das águas. Hoje, o dia pode não ter sido bom, mas amanhã será outro mar. E eu estarei lá na beira da praia de novo. " Ana Jacomo

Direitos de autor

* Todas as fotos/imagens que tenham "todososdias" são minhas. Todas as outras, são retiradas da internet e estão aqui porque aparentemente são públicas. * Qualquer correção na citação da autoria (imagens ou mensagens) é só entrar em contato para eu poder corrigir.


Dias antigos

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D


Recortes_Sapo_Out12

recortes_sapo_ago14

destaques_Sapo_Dez14

Conta todos