Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




face.png

???? A sério???? Fiquei incrédula. Como é que alguém (que por sinal é um familiar bem próximo) me telefona a dar os parabéns, no dia a seguir a eu fazer anos, e em tom agressivo e indignado resolve usar a frase que é titulo deste post. O telefonema foi mesmo de acusação de quem se esqueceu, por culpa minha, porque eu não tenho a minha data de aniversário no meu perfil do facebook. Eu, a aniversariante, falhei! Cada um pode e tem o direito de encarar isto como quiser eu chamo-lhe superficialidade nas relações interpessoais por meio das redes sociais.

 

Tenho o meu aniversário oculto, bem como outras informações pessoais, já há alguns anos. Obviamente, significava receber dezenas de “Parabéns” a menos. E aí o que importa? A qualidade ou a quantidade?

 

Ter o aniversário nas redes sociais é algo que praticamente já se tornou um protocolo social. Confesso que o que realmente me faz confusão é que nos dias de hoje o aniversariante é que têm que avisar que faz anos. E quem não têm perfil nas redes sociais? Não têm direito a ser felicitado pelo seu aniversário? Não consigo deixar de sorrir e de recordar o hábito que a minha irmã tinha de assinalar o seu aniversário no meu memorando e do meu pai, que tinhamos nas secretárias do escritório, ou da minha sogra que se antecipa sempre e faz questão de nos telefonar a dizer: "eu hoje faço anos". 

 

Se perdermos alguns segundos a analisar o perfil de alguém que faz anos, verificamos que apresenta dezenas de mensagens que na sua maioria são extremamente chatas, repetitivas, sem emoção e desprovidas de qualquer tipo de sentimento. E os agradecimentos já se tornaram tão impessoais que agora muitos dos aniversariantes desistiram de estar a por gosto/comentar individualmente e passaram a colocar numa única mensagem, no dia seguinte, a agradecer a todos que o felicitaram. Nada contra quem o faz, ou de quem gosta de passar o seu tempo assim. Até porque eu própria felicito dessa forma algumas pessoas, mas não todas, nada de amigos da escola primária que adicionei mas nunca tive esse hábito, ou aquela prima que mora longe e nunca tenho contacto, nem mesmo os mais queridos (filha, irmã, cunhados, amigos especiais, etc) pois a esses será sempre cumprida a tradição de um beijo pessoalmente ou um telefonema quando estão mais longe.

 

Não posso, não quero, nem devo  generalizar, pois sempre divulgando ou não a data, recebi óptimas mensagens, mas de facto, melhor 30 bem feitas do que 300 feitas ao acaso apenas para 'não passar em branco'. Claro que também tenho amigos que se esqueceram e só se lembraram depois, mas esses eu não culpo, porque até eu, que nunca me guio pelas redes sociais mas sim pelo meu velhinho caderninho de aniversário, ás vezes me esqueço.

 

Enfim, acho que ocultar o nosso aniversário não é errado, apenas filtramos as mensagens e as valorizamos, assim como também valorizamos o tempo de todos. Grata por todos aqueles que um dia investiram o seu tempo a guardar na sua agenda ou no télemóvel a minha data de aniversário para que não se esquecessem. Grata pelo carinho, dedicação e sinceridade das mensagens e telefonemas que recebi. Como me disse um amiga muito querida: "ainda bem que fazemos anos em dias diferentes, pelo menos está garantida uma comunicação mínima anual ;) ". Grata por ter pessoas na minha vida assim!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Preserverança

" Jogo a minha rede no mar da vida e às vezes, quando a recolho, descubro que ela retorna vazia. Não há como não me entristecer e não há como desistir. Deixo a lágrima correr, vinda das ondas que me renovam, por dentro, em silêncio: dor que não verte, envenena. O coração marejado, arrumo, como posso, os meus sentimentos. Passo a limpo os meus sonhos. Ajeito, da melhor forma que sei, a força que me move. Guardo a minha rede e deixo o dia dormir. Com toda a tristeza pelas redes que voltam vazias, sou corajosa o bastante para não me acostumar com essa ideia. Se gente não fosse feita pra ser feliz, Deus não teria caprichado tanto nos detalhes. Perseverança não é somente acreditar na própria rede. Perseverança é não deixar de crer na capacidade de renovação das águas. Hoje, o dia pode não ter sido bom, mas amanhã será outro mar. E eu estarei lá na beira da praia de novo. " Ana Jacomo

Direitos de autor

* Todas as fotos/imagens que tenham "todososdias" são minhas. Todas as outras, são retiradas da internet e estão aqui porque aparentemente são públicas. * Qualquer correção na citação da autoria (imagens ou mensagens) é só entrar em contato para eu poder corrigir.


Dias antigos

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D



Recortes_Sapo_Out12

recortes_sapo_ago14

destaques_Sapo_Dez14

destaques_Sapo_Ago18