Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




resumir dias muito bonitos ♥🏡

todosdias, em 09.03.20

Foi o que eu queria, Foi o que eu tinha planeado...

Só nós três, numa escapadinha que teve como mote o meu aniversário...

Saímos de manhã cedo. Como calhava em caminho, do nosso destino, a primeira paragem tinha de ser para agradecer. Gratidão! Gratidão! De coração cheio porque acredito e tenho fé, todos os dias, que na vida só não se consegue o que não se quer com o coração. Comigo todos os dias...pessoas felizes são mais felizes porque acreditam.

f1.jpg

f2.jpg

A viagem foi longa, em modo passeio, sem pressa de chegar ao destino. Já o sol se punha no horizonte quando finalmente descarregamos as malas. Mas ainda deu tempo para um primeiro conhecimento da aldeia. Lareira acesa numa casa que superou as nossas expetativas, tudo tão confortável, tão calmo, tão tranquilo, tão bonito. Jantar em autêntica cumplicidade e ainda tive bolo, canção de parabéns e prenda. O silêncio, e nós...e a nossa paz, os nossos sorrisos, os nossos abraços.

91376530_1122447874804917_1217471770689273856_n.jp

91786781_882554985501602_4781477650575130624_n (1)

91288509_230485428327678_7988602268200992768_n.jpg

91048689_2583761065245158_4597729023982829568_n.jp

91329659_1526406400869430_8187768023499669504_n.jp

Acordámos cedo, o silêncio do campo, a lareira a crepitar e a tranquilidade de sabermos que tínhamos o relógio em modo pausa que fez com a nossa mente e corpo entrassem em modo "relax".

Caminhada pela aldeia, um lugar perdido na Serra, com uma beleza de cortar a respiração, perdemos a noção do quanto caminhámos...mas foi longo. Cada esquina, cada recanto é difícil de descrever, mesmo que use fotos como suporte elas não passam o que realmente vimos, sentimos e respiramos. Mas com a certeza que ficou bem registada e guardada nos nossos corações.

91431246_221420022399733_4974949305736495104_n.jpg

91563489_218935945853997_3981355325281271808_n.jpg

91637411_1401586976691654_1516090998420144128_n.jp

91297005_619917438737194_1089948075637604352_n.jpg

Organizei as refeições com antecedência, a ideia era reconfortarmos-nos com os aromas e sabores que apreciamos, para “absorvermos” com tranquilidade tudo o que nos rodeava. A tarde foi percorrida por toda a Serra, que não era novidade para nós, mas não consigo deixar de registar que tudo me pareceu diferente, mais bonito. Talvez, porque desta vez vi com outros olhos, com outro estado de espírito, com outro sentir.

91175405_3089817707737091_3472703490877292544_n.jp

91294468_215747859641427_8557262183073841152_n.jpg

91531028_4199299033429544_8956996086392684544_n.jp

91845265_856871371448737_1449910525960912896_n (1)

O regresso seria direto, mas sem pressas. Tomámos o nosso pequeno almoço cedo, arrumamos calmamente as malas e regressámos a casa. Sempre pelo interior, pela estrada nacional: pelas cidades, vilas, aldeias e lugares deste nosso Portugal, muitas vezes esquecidos à conta das nossas autoestradas. Um fim-de-semana que soube a muito… roubámos cada bocadinho de energia que o interior do nosso país  têm e regressámos cheios.

91844406_839493709865268_2336442173001564160_n (1)

No final de tudo, aquilo que nos constitui são apenas os momentos vividos. Quer dizer, também nos constituem os momentos que deixamos de viver! Por alguma razão, que consideramos suficiente para não fazer alguma coisa. Por isso, neste meu aniversário, posso dizer que todos os momentos que passaram por mim e todos os momentos que decidi não viver, mesmo os mais difíceis, foram importantes para tomar consciência de quem sou, daquilo que quero, do que já não quero, e, sobretudo, daquilo que quero ser em todos os dias que ainda terei (e serão milhares ). Que nunca me deixe derrubar! Que consiga sempre olhar para o lado melhor de mim, das situações e dos outros. Que seja o sorriso que se cruza na vida de quem está menos bem. E que isso contribua para reforçar o melhor que tenho e o melhor que, afinal, existe em cada um.

Grata á vida pelos momentos vividos. Grata aos meus dois pilares basilares que contribuíram para, sem dúvida, o melhor aniversário da minha vida. A caminho dos 100! Vivendo os momentos como únicos que são! E é assim mesmo!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


este post é sobre o amor 💚

todosdias, em 03.06.19

“vem nos livros que o que liga duas pessoas é o amor que se tem ao outro. aquela vontade de querer estar, a ansiedade do abraço, as saudades da presença. vem nos livros que a dimensão do amor vem da intensidade do que se vive, e da falta do que não se vive. assim, é o manter da chama, desse ardor de quem se gosta, que faz com as histórias sejam eternas. que perpetuem as horas em dias, os meses em anos. acrescento eu, que mais que o amor, é a alegria do estar que verdadeiramente constrói uma relação. mais ou menos romântico, é a capacidade de fazer rir, de fazer aproveitar cada momento, de apreciar um pôr-do-sol, uma música, ou simplesmente um café quente logo pela manhã. essa coisa, tão simples, de ser bom viver ao lado do outro. “  J.D.

 

É a vida que une as pessoas certas nos momentos certos, nada é por acaso. É por isto que no amor, como na vida, quando dois querem (muito), um não larga e o outro não desiste. É por isto que é nos pequenos nadas que é feito o nosso amor.

 

Parabéns a nós por mais um ano a caminharmos ao lado um do outro.

Caminhar ao lado de quem nos faz bem é metade do caminho para qualquer lugar!

💚💚

Autoria e outros dados (tags, etc)


Parabéns a mim 🎂

todosdias, em 06.03.18

received_1671661236206643.jpeg

 

"Amor ❤

Tudo o que quero e tudo o que peço, sob todas as formas e em tudo o que a vida me traz.

Muuito amor ❤
Porque não há nada neste mundo que o amor não resolva."

 

E é assim mesmo!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Bolo I.jpg

 

"todososdias" 

 

Quando fiz o bolo kitkat, pensei logo em (re)criar com outros ingredientes, o aniversário da minha irmã foi o melhor pretexto para por em prática alguma das minha ideias. Fiz exactamente como o bolo inicial apenas troquei os kitkat's por rolitos de baunilha. Muito embora o outro seja mais apelativo (principalmente para as crianças) acaba por ser um bolo com excesso de chocolate, por isso este ficou agradável, menos calórico e ligeiramente mais económico. 

Gosto tanto do resultado final que já tenho ideias para (re)criar o próximo. 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Bolo Kitkat

todosdias, em 04.08.16

kitkat.jpg

"todososdias" 

 

Os dias quentes levam a que se ligue o forno muito poucas vezes e os bolos de fatia são trocados por sobremesas. Mas o aniversário da minha filha foi o mote para matar saudades de fazer algo diferente e divertido.

 

Como o aniversário é no Verão habitualmente o dia costuma ser passado na praia com os amigos e o jantar em família. Este ano, com exame no próprio dia, a festa na praia foi posta de lado e o jantar foi pela primeira vez só com os amigos. Apesar de termos marcado o restaurante com antecedência, à ultima da hora o mesmo resolveu fechar e arranjar outro foi um verdadeira peripécia considerando que muitas das alternativas estão fechadas por motivos de férias, ainda por cima já tínhamos feito um orçamento inicial que era complicado fugir principalmente porque a "malta nova" passa a vida a contar trocos. Consegui negociar as sobremesas em troca de bebidas e lá conseguimos cumprir o orçamento.

 

Do meu lado ficou a tarefa do bolo, era bem mais simples e fácil comprar e se fosse no supermercado ainda era mais barato, mas eu queria algo diferente. Ainda andei a tentar encomendar mas até mesmo no supermercado um bolo de massa-pão custa mais ou menos 24€ kilo/mínimo 2 kilos. Numa acidental pesquisa na Internet apareceram-me imagens do bolo kitkat e claro decidi fazer. Apenas tentei perceber como era feito, o resto ficou por minha conta.

 

Optei por fazer um bolo simples de chocolate porque ia experimentar as minhas novas formas de silicone e tive receio que o meu bolo brigadeiro, apesar de ser mais húmido, fosse mais difícil de desenformar, recheie com um simples creme de chocolate e natas (finamente chamado nos dias de hoje de ganache de chocolate) que faço à muitos anos e sempre me corre bem. 

 

Ingredientes do bolo de chocolate

150g de manteiga

250g de açúcar

150g de farinha c/fermento

4 ovos

50g de cacau em pó

 

Preparação do bolo de chocolate

Misturar a manteiga com o açúcar, acrescentar a farinha, os ovos inteiros e por fim o cacau em pó. Bater tudo muito bem. Dividir a massa por duas formas e levar ao forno (pré-aquecido a 180º) durante aproximadamente 25minutos.

Minha nota 1: pode-se colocar numa forma única, e depois de frio cortar ao meio para rechear, como tenho duas formas iguais optei por dividir antes de ir ao forno para ser mais fácil rechear com o creme de chocolate.

 

Creme de chocolate e natas

Corta-se 200g de chocolate em pedaços muito pequenos e reserva-se numa taça. Coloca-se 200ml de natas a lume a aquecer, sem deixar ferver, costumo retirar do lume quando começam a aparecer pequenas bolhas dos lados e junto de imediato ao chocolate partido. Mexe-se até o chocolate estar todo derretido e deixa-se arrefecer para ficar mais consistente.

Minha nota 2: Para cobrir bolos usa-se o creme ainda quente, pois ele vai escorrer melhor pelo bolo, cobrindo tudo. Quando é para rechear convêm deixar arrefecer.

Minha nota 3: Este creme conserva-se vários dias no frigorífico por isso nunca me preocupo quando sobra porque até para rechear panquecas é óptimo.

 

Montagem

Recheia-se e cobre-se todo o bolo com o creme de chocolate e colam-se os KitKats (usei 12 embalagens de KitKat) toda a volta. Depois coloca-se uma fita colorida toda a volta que para alem de decorar vai também ajudar à sustentação. Colocam-se drageias de chocolate coloridas por cima e vai ao frigorífico até à hora de servir.

Minha nota 4: Fica super colorido e é super fácil de fazer, quanto a custos gastei aproximadamente 15€ em chocolates (bolo/creme/decoração), fita, velas, prato de papel, não estou a contabilizar ovos, manteiga, açúcar e farinha porque tinha cá em casa.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

face.png

???? A sério???? Fiquei incrédula. Como é que alguém (que por sinal é um familiar bem próximo) me telefona a dar os parabéns, no dia a seguir a eu fazer anos, e em tom agressivo e indignado resolve usar a frase que é titulo deste post. O telefonema foi mesmo de acusação de quem se esqueceu, por culpa minha, porque eu não tenho a minha data de aniversário no meu perfil do facebook. Eu, a aniversariante, falhei! Cada um pode e tem o direito de encarar isto como quiser eu chamo-lhe superficialidade nas relações interpessoais por meio das redes sociais.

 

Tenho o meu aniversário oculto, bem como outras informações pessoais, já há alguns anos. Obviamente, significava receber dezenas de “Parabéns” a menos. E aí o que importa? A qualidade ou a quantidade?

 

Ter o aniversário nas redes sociais é algo que praticamente já se tornou um protocolo social. Confesso que o que realmente me faz confusão é que nos dias de hoje o aniversariante é que têm que avisar que faz anos. E quem não têm perfil nas redes sociais? Não têm direito a ser felicitado pelo seu aniversário? Não consigo deixar de sorrir e de recordar o hábito que a minha irmã tinha de assinalar o seu aniversário no meu memorando e do meu pai, que tinhamos nas secretárias do escritório, ou da minha sogra que se antecipa sempre e faz questão de nos telefonar a dizer: "eu hoje faço anos". 

 

Se perdermos alguns segundos a analisar o perfil de alguém que faz anos, verificamos que apresenta dezenas de mensagens que na sua maioria são extremamente chatas, repetitivas, sem emoção e desprovidas de qualquer tipo de sentimento. E os agradecimentos já se tornaram tão impessoais que agora muitos dos aniversariantes desistiram de estar a por gosto/comentar individualmente e passaram a colocar numa única mensagem, no dia seguinte, a agradecer a todos que o felicitaram. Nada contra quem o faz, ou de quem gosta de passar o seu tempo assim. Até porque eu própria felicito dessa forma algumas pessoas, mas não todas, nada de amigos da escola primária que adicionei mas nunca tive esse hábito, ou aquela prima que mora longe e nunca tenho contacto, nem mesmo os mais queridos (filha, irmã, cunhados, amigos especiais, etc) pois a esses será sempre cumprida a tradição de um beijo pessoalmente ou um telefonema quando estão mais longe.

 

Não posso, não quero, nem devo  generalizar, pois sempre divulgando ou não a data, recebi óptimas mensagens, mas de facto, melhor 30 bem feitas do que 300 feitas ao acaso apenas para 'não passar em branco'. Claro que também tenho amigos que se esqueceram e só se lembraram depois, mas esses eu não culpo, porque até eu, que nunca me guio pelas redes sociais mas sim pelo meu velhinho caderninho de aniversário, ás vezes me esqueço.

 

Enfim, acho que ocultar o nosso aniversário não é errado, apenas filtramos as mensagens e as valorizamos, assim como também valorizamos o tempo de todos. Grata por todos aqueles que um dia investiram o seu tempo a guardar na sua agenda ou no télemóvel a minha data de aniversário para que não se esquecessem. Grata pelo carinho, dedicação e sinceridade das mensagens e telefonemas que recebi. Como me disse um amiga muito querida: "ainda bem que fazemos anos em dias diferentes, pelo menos está garantida uma comunicação mínima anual ;) ". Grata por ter pessoas na minha vida assim!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Preserverança

" Jogo a minha rede no mar da vida e às vezes, quando a recolho, descubro que ela retorna vazia. Não há como não me entristecer e não há como desistir. Deixo a lágrima correr, vinda das ondas que me renovam, por dentro, em silêncio: dor que não verte, envenena. O coração marejado, arrumo, como posso, os meus sentimentos. Passo a limpo os meus sonhos. Ajeito, da melhor forma que sei, a força que me move. Guardo a minha rede e deixo o dia dormir. Com toda a tristeza pelas redes que voltam vazias, sou corajosa o bastante para não me acostumar com essa ideia. Se gente não fosse feita pra ser feliz, Deus não teria caprichado tanto nos detalhes. Perseverança não é somente acreditar na própria rede. Perseverança é não deixar de crer na capacidade de renovação das águas. Hoje, o dia pode não ter sido bom, mas amanhã será outro mar. E eu estarei lá na beira da praia de novo. " Ana Jacomo

Direitos de autor

* Todas as fotos/imagens que tenham "todososdias" são minhas. Todas as outras, são retiradas da internet e estão aqui porque aparentemente são públicas. * Qualquer correção na citação da autoria (imagens ou mensagens) é só entrar em contato para eu poder corrigir.


Dias antigos

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D



Recortes_Sapo_Out12

recortes_sapo_ago14

destaques_Sapo_Dez14

destaques_Sapo_Ago18