Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Resumir agosto ☀

todosdias, em 31.08.22

salgados2.jpg

Acordar com dias de Verão a sério é outra vida, dias sem horas para nada. O Sul, o calor, o sol imenso e o céu azul fazem de mim uma pessoa melhor. Do mar e do sal na pele, das sestas durante a tarde e das muitas leituras (@edasgaivotasaacompanhar), dos jogos e dos risos, dos gelados e dos petiscos, do muito que somos quando estamos juntos, das coisas pequenas que são tão boas.

Outra inspiração, outra motivação, outra energia e outra perspetiva do que ando aqui a fazer. Regressámos mais otimistas, mais leves, mais arejados, mais desempoeirados e de pazes feitas com a vida. Mesmo quando nem tudo é bom, nem todas as notícias animadoras, nem todos os planos se cumprem, nem todos os objetivos se alcançam, nem todas as pessoas são boas e nem todas as coisas encaixam na visão mais positiva que temos da vida.

Era suposto ser o plano 'B' do nosso agosto, no entanto, à ultima da hora a vida encarregou-se de nos brindar com mais dias no nosso Sul, mas ainda houve tempo para o plano 'A' com 'saltinho' até à aldeia onde o tempo também pára, onde desconectamos...E depois...depois enchemos o peito de ar. Com a força maior do amor que nos une, grata à vida todos os dias. E é assim mesmo!

Autoria e outros dados (tags, etc)


É agosto de ser feliz ☀

todosdias, em 01.08.22

agosto 3.jpg

"uma das qualidades que mais admiro nas pessoas é a capacidade de saber estar feliz. que é diferente de apenas ser feliz - e bem mais difícil. podemos estar numa onda má na vida, longe da família, longe da nossa terra, longe de quem gostamos, mas a capacidade de saber estar feliz faz superar tudo isto e faz-nos manter o sentido de humor afinado, a capacidade de gozo sempre presente, e o riso pronto a disparar. saber estar feliz não é um estado de alma, é uma forma de viver."  j.d 

Estas palavras encontraram-me...viver agosto com a capacidade de saber estar feliz e que me faça sempre acreditar em boas energias. Viver agosto com dias tranquilos, sorrisos abertos, abraços apertados, muito sol e mar como banda sonora. Simples assim.

E é assim mesmo!

Autoria e outros dados (tags, etc)


avaria

todosdias, em 07.07.22

avaria.jpg

A palavra correta para definir os acontecimentos do último mês é ‘Avaria’. Não chegam os dedos das mãos para enumerar a quantidade de ‘Avarias’.

Como uma "desgraça nunca vem só", as ‘Avarias’ propagaram-se a uma velocidade que mal deu para respirar, desde os estores, às máquinas de lavar roupa e loiça, máquina de café, ferramentas de bricolage entre outras peripécias que também posso denominar de ‘Avarias’. Pelo meio pintámos a sala, que me desorganizou a casa por vários dias, e ainda uns dias de casa cheia de gente, que implicou uma logística muito para além do habitual e muita gestão de relações familiares. A lista foi extensa e ainda estou modo 'digestão', [eu e a minha carteira]. Tenho o ritmo biológico todo baralhado, saí das rotinas, o trabalho também apertou e ainda tive que fazer mais horas.

Até um dente resolveu ‘Avariar’…Irr@!

No que tira e no que dá a vida sabe o que faz, por este meu crer, confio, não desisto e nem é tempo de baixar os braços. Por vezes o melhor é mesmo esperar apenas que tudo passe, tal como diz o povo "depois da tempestade vem a bonança", por isso é que acredito e tenho fé que mesmo que a vida me troque as voltas vale sempre a pena.

Aos poucos as ‘Avarias’ passam gradualmente a ‘Reparado’, a sala está pronta (ainda aproveitámos para arranjar algumas coisas que estavam pendentes há muito tempo), alguns electrodomésticos já estão operacionais (o custo-benefício sem dúvida que compensou), no trabalho é altura de tratar dos pendentes que não conseguimos fazer em tempo de aulas (em época de exames quase parece que estamos em modo pandemia com corredores vazios), o dente já saiu dos cuidados intensivos (ainda está em internamento mas está a responder bem ao tratamento), o restante da lista vai-se compondo ao ritmo que a vida flui. É altura de arrumar gavetas, reciclar o que já não faz falta, alinhar ideias, respirar fundo...abrir as janelas e deixar entrar o sol.

E é assim mesmo!

[Vou ali pôr a máquina da roupa a lavar porque depois de tantos dias de interregno, ela não pense que foi de férias…bora lá trabalhar]

Autoria e outros dados (tags, etc)


A contar os dias...🏡🐣🐰

todosdias, em 12.04.22

easter 2.jpg

Páscoa rima com família, com amor e abraços!

(impossibilitados de celebrarmos juntos a nossa páscoa nos últimos dois anos, regressar á aldeia é sinónimo de voltar a cumprir a tradição de celebrar a vida e do melhor que temos na vida)

Autoria e outros dados (tags, etc)


Planos para o fim de semana 🏠

todosdias, em 11.03.22

sofa.jpg

’Deus queira que chova muito amanhã. Para não ter a desculpa do sol para sair à rua. Nem do pavimento seco que promete não escorregar. Deus queira que chova denso. Para permanecer de pijama, enrolada nas nossas pernas, sem perceber onde começa a ternura de uma e acaba a de outra. Só me vou levantar para fazer o pequeno almoço nesta pequena morada, fritar o bacon, fazer os ovos, espremer o sumo. E voltar de novo. Deus queira que a chuva não tenha fim à vista para me dar a grandeza deste começo. E Deus queira que a determinada altura, fique até um friozinho, para os nossos corpos se aninharem na promessa de um. E que seja o que Deus quiser.’’  I.Saldanha

Estas palavras encontraram-me… tal como o sol aquece também acredito que a chuva limpa, que venha chuva e lave, que venha vento e leve, que tudo acalme e a harmonia se instale. E é assim mesmo!

(com previsões de chuva e tempo cinzento vai saber bem ficar em casa, entre assados e aromas doces também está nos planos pôr as leituras em dia e muito sofá)

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

chao.jpg

"Há vários tipos de chão. Chão de terra, chão de mar, chão ar. Há chão que não parece chão. Há chão que o é sem o saber. Há chão para passear. Mas bem-dito chão que se sabe chão. Esse é o mais difícil de encontrar. Por isso gosto de chão de pedra. Esse que é tão sólido que se reconhece assim. Nessa confiança que não se sabe de onde vem, mas ele sabe que é esse chão. Ele dá-se a confiar. Bem aventurados os que têm esse chão. E sabem. Quando o chão é chão a sério, reconhece a sua função de fazer erguer cidades ou património. Sabe deixar erguer sonhos. Esse chão é sábio. Porque sabe o que trás. Sem que ninguém se dê conta. Esse chão sabe levar. E trazer." B. Carvalho

Grata pelo meu chão

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Preserverança

" Jogo a minha rede no mar da vida e às vezes, quando a recolho, descubro que ela retorna vazia. Não há como não me entristecer e não há como desistir. Deixo a lágrima correr, vinda das ondas que me renovam, por dentro, em silêncio: dor que não verte, envenena. O coração marejado, arrumo, como posso, os meus sentimentos. Passo a limpo os meus sonhos. Ajeito, da melhor forma que sei, a força que me move. Guardo a minha rede e deixo o dia dormir. Com toda a tristeza pelas redes que voltam vazias, sou corajosa o bastante para não me acostumar com essa ideia. Se gente não fosse feita pra ser feliz, Deus não teria caprichado tanto nos detalhes. Perseverança não é somente acreditar na própria rede. Perseverança é não deixar de crer na capacidade de renovação das águas. Hoje, o dia pode não ter sido bom, mas amanhã será outro mar. E eu estarei lá na beira da praia de novo. " Ana Jacomo

Direitos de autor

* Todas as fotos/imagens que tenham "todososdias" são minhas. Todas as outras, são retiradas da internet e estão aqui porque aparentemente são públicas. * Qualquer correção na citação da autoria (imagens ou mensagens) é só entrar em contato para eu poder corrigir.


Dias antigos

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2011
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D