Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Deixar ir...

todosdias, em 05.02.20

cofe.jpg

Quando alguém é prepotente, é opressor, é dono da razão, é melhor não dizer nada.

Quando alguém está decidido a não querer entender, a não querer aceitar, a não querer mudar, é melhor não dizer nada.

É melhor deixar que seja o silêncio a dizer tudo. É melhor mudar o foco. É melhor não deixar que a energia negativa contamine. É melhor não deixar que afete a autoestima. É melhor esperar e confiar que a vida se encarregue de fazer o mundo girar e de voltar a colocar tudo e todos no devido lugar.

Não significa acatar tudo o que dizem, mas sim ouvir com atenção e selecionar aquilo que se considera relevante para a vida. Deixar ir, com humildade e autoconfiança, e a vida flui.

E é assim mesmo!

(vou lá fora beber um café, apanhar sol...já volto)

Autoria e outros dados (tags, etc)


O meu caminho

todosdias, em 15.02.17

caminho.jpg

É a minha vida, as minhas regras. O meu caminho.

Duvido de quem me diz que não vou conseguir. Que é difícil. Que não vai correr bem. Como podem saber, se o meu caminho é único e só eu sei o que sinto e o que quero?

Duvido de quem fala mal, por isso escolho os que me fazem bem porque esses sim são os que me dão mais força para ser feliz. Esses são os que caminham ao meu lado. O meu mapa. A minha bússola. O meu caminho. E é assim mesmo!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Insistir...

todosdias, em 08.08.16

feet.jpg

 

"Insistir numa coisa (ou pessoa) que nunca dá certo é como calçar uns sapatos que já não te servem. Dói, faz bolhas, às vezes até sangra. Percebes que o melhor é ficar descalço. Deixar totalmente livre o coração, enquanto vives. Deixar livres os pés, enquanto cresces. Porque enquanto cresces, o número muda. E o que insistias em calçar, já não te serve mais. Às vezes na vida, tens de esquecer o que queres, para começar a entender o que realmente mereces." Caio Abreu

 

Inspiração para inicio de semana...talvez o final feliz seja só seguir em frente. Simplesmente persistir sem desistir. Tenho fé e acredito que, apesar das quedas e dos apertos, continuar a andar é o caminho certo - descalça mas com o coração livre. Tenho fé e confio na vida e no que ela me trás. Tenho o dever de querer só coisas (ou pessoas) que me tragam coisas boas. E é assim mesmo!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


se eu deixar

todosdias, em 04.04.16

navio.jpg

"A água inteira do mar não pode afundar um navio, a menos que ela invada o seu interior. Da mesma forma, a negatividade do mundo não te pode derrubar, a menos que tu permitas que ela permaneça dentro de ti." Autor desconhecido

 

Inspiração para inicio de semana, se há coisa que a idade me trouxe é esta certeza de saber exactamente o que não quero ser, o que não quero fazer e quem não quero ter na minha vida. Têm dias que as coisas começam mesmo muito mal, mas só terminam se eu deixar. Têm pessoas que me causam desconforto, mas só me tiram a paz se eu deixar. Não é se eu quiser, é mesmo se eu deixar. E é assim mesmo!

Autoria e outros dados (tags, etc)

face.png

???? A sério???? Fiquei incrédula. Como é que alguém (que por sinal é um familiar bem próximo) me telefona a dar os parabéns, no dia a seguir a eu fazer anos, e em tom agressivo e indignado resolve usar a frase que é titulo deste post. O telefonema foi mesmo de acusação de quem se esqueceu, por culpa minha, porque eu não tenho a minha data de aniversário no meu perfil do facebook. Eu, a aniversariante, falhei! Cada um pode e tem o direito de encarar isto como quiser eu chamo-lhe superficialidade nas relações interpessoais por meio das redes sociais.

 

Tenho o meu aniversário oculto, bem como outras informações pessoais, já há alguns anos. Obviamente, significava receber dezenas de “Parabéns” a menos. E aí o que importa? A qualidade ou a quantidade?

 

Ter o aniversário nas redes sociais é algo que praticamente já se tornou um protocolo social. Confesso que o que realmente me faz confusão é que nos dias de hoje o aniversariante é que têm que avisar que faz anos. E quem não têm perfil nas redes sociais? Não têm direito a ser felicitado pelo seu aniversário? Não consigo deixar de sorrir e de recordar o hábito que a minha irmã tinha de assinalar o seu aniversário no meu memorando e do meu pai, que tinhamos nas secretárias do escritório, ou da minha sogra que se antecipa sempre e faz questão de nos telefonar a dizer: "eu hoje faço anos". 

 

Se perdermos alguns segundos a analisar o perfil de alguém que faz anos, verificamos que apresenta dezenas de mensagens que na sua maioria são extremamente chatas, repetitivas, sem emoção e desprovidas de qualquer tipo de sentimento. E os agradecimentos já se tornaram tão impessoais que agora muitos dos aniversariantes desistiram de estar a por gosto/comentar individualmente e passaram a colocar numa única mensagem, no dia seguinte, a agradecer a todos que o felicitaram. Nada contra quem o faz, ou de quem gosta de passar o seu tempo assim. Até porque eu própria felicito dessa forma algumas pessoas, mas não todas, nada de amigos da escola primária que adicionei mas nunca tive esse hábito, ou aquela prima que mora longe e nunca tenho contacto, nem mesmo os mais queridos (filha, irmã, cunhados, amigos especiais, etc) pois a esses será sempre cumprida a tradição de um beijo pessoalmente ou um telefonema quando estão mais longe.

 

Não posso, não quero, nem devo  generalizar, pois sempre divulgando ou não a data, recebi óptimas mensagens, mas de facto, melhor 30 bem feitas do que 300 feitas ao acaso apenas para 'não passar em branco'. Claro que também tenho amigos que se esqueceram e só se lembraram depois, mas esses eu não culpo, porque até eu, que nunca me guio pelas redes sociais mas sim pelo meu velhinho caderninho de aniversário, ás vezes me esqueço.

 

Enfim, acho que ocultar o nosso aniversário não é errado, apenas filtramos as mensagens e as valorizamos, assim como também valorizamos o tempo de todos. Grata por todos aqueles que um dia investiram o seu tempo a guardar na sua agenda ou no télemóvel a minha data de aniversário para que não se esquecessem. Grata pelo carinho, dedicação e sinceridade das mensagens e telefonemas que recebi. Como me disse um amiga muito querida: "ainda bem que fazemos anos em dias diferentes, pelo menos está garantida uma comunicação mínima anual ;) ". Grata por ter pessoas na minha vida assim!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Aceitar

todosdias, em 12.05.15

aceitar1.jpg

"Não ligo mais para quem não me liga. Isso vale para qualquer relação que mantenho. Ninguém é amigo sozinho, ninguém ama sozinho, ninguém deve dar atenção a alguém que simplesmente não se importa. Procurar é até válido, mas o interesse tem de ser recíproco." Gustavo Lacombe

 

Estas palavras encontraram-me, uma lição que tenho que aprendido aos poucos com as quedas que tenho dado, com as pancadas que tenho levado e as com desilusões que tenho sentido é que nunca devo insistir em alguém que me magoa. Ainda não consegui interiorizar, porque algumas são pessoas que eu amo muito. Tenho tentado, mas é mais forte do que eu, e sei que não vou conseguir ignorar para sempre o que sinto, o que guardo cá dentro.

Aceito o que não posso mudar, vivo um dia de cada vez, sem me preocupar tanto com as opiniões dos outros e o que fazem, dizem ou pensam, alem de que não preciso que todos gostem de mim.

Aceito a vida que cada um decidiu viver, independentemente de ser certo ou errado, mais perto ou mais longe. A vida é feita com todos aqueles que se vão cruzando no meu caminho em determinadas alturas, tal qual eu vou cruzando os caminhos dos outros, numa inter-actividade constante. 

Aceito que não vale a pena perder tempo a explicar a quem não quer entender, a dar apenas importância ao que tem importância.

Aceito e não perco tempo a julgar, independentemente de estar em acordo ou desacordo até porque algumas pessoas que me rodeiam nem sempre têm vontade, força e coragem de me acompanhar. Deixo que voltem ao lugar onde pertencem permitindo-me harmonia e paz.

Aceito que é a vida que escolhe quem entra na minha vida, mas sou eu que decido quem quero que nela permaneça. E é assim mesmo!

 

(Aceitar não é me resignar. Resignação só poderia significar querer fazer durar o que não dura. Aceitar o que é, é aceitar a mudança, a transformação, a evolução.)

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Preserverança

" Jogo a minha rede no mar da vida e às vezes, quando a recolho, descubro que ela retorna vazia. Não há como não me entristecer e não há como desistir. Deixo a lágrima correr, vinda das ondas que me renovam, por dentro, em silêncio: dor que não verte, envenena. O coração marejado, arrumo, como posso, os meus sentimentos. Passo a limpo os meus sonhos. Ajeito, da melhor forma que sei, a força que me move. Guardo a minha rede e deixo o dia dormir. Com toda a tristeza pelas redes que voltam vazias, sou corajosa o bastante para não me acostumar com essa ideia. Se gente não fosse feita pra ser feliz, Deus não teria caprichado tanto nos detalhes. Perseverança não é somente acreditar na própria rede. Perseverança é não deixar de crer na capacidade de renovação das águas. Hoje, o dia pode não ter sido bom, mas amanhã será outro mar. E eu estarei lá na beira da praia de novo. " Ana Jacomo

Direitos de autor

* Todas as fotos/imagens que tenham "todososdias" são minhas. Todas as outras, são retiradas da internet e estão aqui porque aparentemente são públicas. * Qualquer correção na citação da autoria (imagens ou mensagens) é só entrar em contato para eu poder corrigir.


Dias antigos

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D



Recortes_Sapo_Out12

recortes_sapo_ago14

destaques_Sapo_Dez14

destaques_Sapo_Ago18