Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



winter.jpg

“Aqueles que crêem no Sutra de Lótus são como o inverno; o inverno nunca falha em se tornar primavera. Desde os tempos antigos jamais se ouviu que o inverno tenha se transformado em outono ou que um devoto do Sutra de Lótus tenha se transformado numa pessoa comum” Nitiren Daishonin

 

23 | solstício de inverno 4:48

Estas palavras encontraram-me, um alento para superar dificuldades nos caminhos que a vida me conduz em direcção à felicidade. Para celebrar a chegada da Primavera, é preciso antes ultrapassar o rigor do inverno. É necessário superar os desafios do rigor do inverno para alcançar a alegria da primavera com o coração cheio de fé e esperança. A natureza a seguir o seu propósito, o inverno transforma-se em primavera, não em outono. 

Compreender que quando se superam as dificuldades do rigor do inverno, com resistência, consegue-se celebrar a primavera com alegria. Por isso, avanço de coração aberto pelos caminhos dos desafios do inverno, com a certeza de que a primavera chegará sem falta. Transformar o "inverno em primavera" e ter sempre fé para avançar tanto no inverno como na primavera. E é assim mesmo!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Ela já anda por ai...

todosdias, em 10.03.14

...à espreita

 

Deu o ar da sua graça no Sábado, mas no Domingo resolveu voltar a esconder-se. Prontos para mais uma caminhada e ... chuva.

Hoje voltou a aparecer, mas um pouco mais fresca que no Sábado, mas mesmo assim saímos. A marota da Primavera já anda por ai, volta e meia já aparece à espreita...e anda divertida a brincar às escondidas.

Autoria e outros dados (tags, etc)


vida...

todosdias, em 27.05.13

Sempre tivemos passarinhos cá em casa. Sempre canários, pelo canto, pela beleza e pela companhia. Hobbie do meu marido, que tenta ter sempre um casal para poderem ter crias. Em 18 anos se nasceram cá em casa meia dúzia de canários foi muito. Nunca tivemos muita sorte apesar de todos os cuidados, ninhos, higiene, comida adequada, etc. Mas esta primavera os nossos canários estão a bater recordes. Já cá "cantam" quatro passarinhos novos.

É tão bom ver e sentir vida a nascer cá em casa!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


primavera?

todosdias, em 27.03.13

 

Onde anda a Primavera??

Este tempo nesta altura do ano, não me conformo.

O inverno não quer ir embora, a chuva o frio...O tempo não está de acordo, mas virá, com toda a certeza.

Valha-me os dias estarem maiores, alguns raios de sol que timidamente vão aparecendo, as margaridas e as papoilas...esta luz, estas cores já me enchem de energia!

Autoria e outros dados (tags, etc)


primeiro dia da primavera

todosdias, em 20.03.12

“Aprendi com a primavera a me deixar cortar para voltar sempre inteira” 

                       Cecília Meireles
 


  

Ostara é o primeiro dia da Primavera. É o momento do ano em que o Sol está diretamente acima do equador, fazendo com que noite e dia tenham igual duração. Hoje, escuridão e luz são precisamente iguais. De hoje a em diante o dia dominará a noite, ou seja, os dias serão maiores que as noites e a Terra explodirá com vida.
Este é o tempo em que as sementes são plantas e começam o seu processo de crescimento. Ostara é tido como um momento de união e amor entre a Deusa (Lua) e o Deus (Sol), pois é um período de igualdade e equilíbrio entre as forças da Natureza, e isso indica também que é o momento ideal para fortalecer a energia de complementaridade entre homem e mulher.

  

Abençoada seja a Primavera que regressa, que a roda da vida sempre gire, e assim seja e assim se faça!

 

 (Ostera (ou Ostara) é a Deusa da Primavera, que segura um ovo em sua mão e observa um coelho, símbolo da fertilidade, pulando alegremente em redor de seus pés nus. A deusa e o ovo que carrega são símbolos da chegada de uma nova vida. Ostara equivale, na mitologia grega, a Persephone. Na mitologia romana, é Ceres)

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Preserverança

" Jogo a minha rede no mar da vida e às vezes, quando a recolho, descubro que ela retorna vazia. Não há como não me entristecer e não há como desistir. Deixo a lágrima correr, vinda das ondas que me renovam, por dentro, em silêncio: dor que não verte, envenena. O coração marejado, arrumo, como posso, os meus sentimentos. Passo a limpo os meus sonhos. Ajeito, da melhor forma que sei, a força que me move. Guardo a minha rede e deixo o dia dormir. Com toda a tristeza pelas redes que voltam vazias, sou corajosa o bastante para não me acostumar com essa ideia. Se gente não fosse feita pra ser feliz, Deus não teria caprichado tanto nos detalhes. Perseverança não é somente acreditar na própria rede. Perseverança é não deixar de crer na capacidade de renovação das águas. Hoje, o dia pode não ter sido bom, mas amanhã será outro mar. E eu estarei lá na beira da praia de novo. " Ana Jacomo

Direitos de autor

* Todas as fotos/imagens que tenham "todososdias" são minhas. Todas as outras, são retiradas da internet e estão aqui porque aparentemente são públicas. * Qualquer correção na citação da autoria (imagens ou mensagens) é só entrar em contato para eu poder corrigir.


Dias antigos

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D



Recortes_Sapo_Out12

recortes_sapo_ago14

destaques_Sapo_Dez14

destaques_Sapo_Ago18