Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Reciclar livros escolares

todosdias, em 06.09.16

manuais.jpg 

Mais um ano escolar a começar e os livros já estão na prateleira desde o mês passado, "reciclados" como é habito.

É hora de fazer contas:

 

Comprar

Menos disciplinas, menos manuais, mas não menos custos, há medida que se avança nos anos de escolaridade os livros também "avançam" no preço.

* Gasto previsto - 153,98€

* Gasto efectivo - 59,50€

* Poupança - 94,48€

Mais uma vez a poupança ultrapassa os 50%, e foram todos boas compras à excepção de um que vinha em mau estado. Este ano pela primeira vez sei que fui enganada, o manual que adquiri não era o que estava na fotografia do anuncio, claro que limpámos e plastificámos, mas não me tinha custado nada dar mais uns euros. O que me custou foi mesmo a falta de seriedade. 

 

Vender

Este ano foi ano também de vender, não todos, apenas os que não são disciplina de exame, os restantes logo se vê para o ano.

Consegui vender todos os manuais que pus à venda.

*Ganho - 60€

 

Resultado este ano não gastei nada em livros escolares, o valor que previ este ano para despesas escolares, como também já vai sendo hábito, vai todo para tudo o que a minha filha necessitar para a nova estação 🍂

Assim que o meu marido não precisar do carro...lá vamos as duas para as compras ;)

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Por aqui*

todosdias, em 30.08.16

flores de papel.jpg

 

"todososdias" 

 

“A vida dura um instante - quanto menos você espera, ela já foi. Se existe uma coisa valiosa nesse mundo é o tempo. Não perca o seu tempo, não se distraia.” Sri Prem Baba

 

Nada de perder tempo, a vida não pára! Esta espera faz alimentar a minha ansiedade, e como sei que não adianta forçar á que valer o nosso tempo e ocupar os nossos dias. Quando queremos á sempre algo para fazer, algo que nos enche a alma e nos traz bem estar e tranquilidade.

Fechadas em casa iniciamos mais uma semana em modo trabalhos manuais/reciclar. Desta vez usámos flores de papel crepe, a minha filha desenhou a inicial do nome em cartão que posteriormente pintou. Ajudei nas flores e na colagem. Ficou tão giro na parede do quarto  ♥

 

 

*recusamos-nos a ter dias vazios...E é assim mesmo!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Back to School - (re)decorar ♥

todosdias, em 23.08.16

cadernos.jpg

 

"todososdias" 

 

À semelhança do ano passado, a minha filha quis (re)decorar os cadernos e este ano optou por forrar com tecido. Tínhamos várias ideias mas só quando encontrámos o tecido que ela gostava é que definimos como iríamos fazer. Com muita paciência e dedicação recortamos os tecidos, colámos, cozemos as rendas e até uma bolsa para colocar apontamentos fizemos na parte de dentro dos cadernos. O que deu mais trabalho foi a parte das argolas pois queríamos que ficasse perfeito e sem "vestígios" das capas originais, retirar foi fácil mas recolocar foi demorado e custou um pouco porque tivemos que estar a fazer furos no tecido.

O resultado final superou as nossas expectativas e é tão bom e divertido passarmos algumas horas, as duas, entretidas a fazer trabalhos manuais. Um gosto comum que nos une de cumplicidade, sabe tão bem!

 

Vamos a contas: 

Caderno A4 capa dura,120fls. - 1€ x 2 (um verdadeiro achado, tivemos a sorte de encontrar cadernos da colecção do ano passado em promoção por isso só aqui conseguimos uma poupança de apx. 6€)

Tecido e renda: 10€  - (Admito que foi caro, os tecidos estão demasiado caros mas com as medidas certinhas consegui não desperdiçar nada)

Cola - 1,35€

Total: 13,35€ (A poupança nos cadernos foi significativa acabou por compensar o custo elevado dos tecidos, mesmo assim este ano gastei um pouco mais tendo em conta que os dois cadernos serão para 4 disciplinas, o custo foi de 3,35€ por disciplina. No entanto mais uma vez não foi preciso gastar um dinheirão para se ter coisas giras e ainda por cima personalizadas.)

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


O meu "porta-especiarias"

todosdias, em 25.02.16

A vida tem muito mais sabor com as especiarias e ervas aromáticas, transformam um prato comum num prato requintado, fazem molhos fantástico e sobremesas inesquecíveis. As especiarias e as ervas aromáticas são desde sempre um dos ingredientes que mais uso para transformar e aperfeiçoar o sabor dos meus pratos. Além de que cozinhar com especiarias e ervas aromáticas é muito saudável e é recomendado o seu uso, em troca de condimentos menos saudáveis, como o sal, por exemplo.

 

O meu "porta-especiarias" estava muito velho, feio, enferrujado e apenas escapavam os frascos. Há muito que pedia substituto, mas comprar um novo custa aproximadamente 20€. Fora de questão, nada de gastos extra não prioritários.

 

Os frascos estavam intactos, mas a maior parte da tampas estavam amareladas e com a tinta toda "descascada". Retirei a restante tinta das tampas, e com uma simples latinha de tinta prateada em spray, em menos de 5 minutos, ficaram como novas. 

 

O suporte foi para o lixo, ainda considerei lixar e pintar, mas a madeira estava estragada e a armação tinha tanta ferrugem que a tinta podia não resultar por isso resolvi não arriscar e optei por investir o dinheiro da tinta num cesto.

 

#querido mudei o porta-especiarias

especiarias.jpg

Gostei muito do resultado final, apenas o cesto é um pouco alto e não me permite ver de imediato as especiarias, mas procurei em vários sítios e este era o único que tinha a medida ideal para os meus 12 frascos de especiarias. Uma (re)decoração que me encheu de ideias para outras tantas que já ando a planear. 

 

Vamos a contas: Não foi preciso gastar aproximadamente 20€ e ainda por cima aproveitei os frascos. 

Tinta em spray (no Chines) - 1,20€

Cesto - 4€

Total: 5,20€ 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Os meus sofás do "avesso"

todosdias, em 29.09.15

"Tem a certeza que quer os sofás com o tecido do avesso?" Esta pergunta foi-me feita meia dúzia de vezes quando à vinte anos escolhi o tecido para os nossos sofás da sala. Desfolhamos muitas revistas de decoração, tínhamos até desenhado os cortinados da sala que tinham pendentes com o tecido igual aos sofás. O "avesso" do catálogo dos tecidos é que era o que nós idealizamos. Era assim que queríamos.

 

"Duvidei da escolha, mas admito que os sofás com o tecido do avesso, ficaram muito bonitos" (disse o vendedor quando mos entregou). E ficaram mesmo bem! Foram muito caros e de qualidade comprovada, a estrutura mantêm-se de pedra e cal pronta para durar mais vinte anos. Gosto muito dos meus sofás e por mais voltas que dê o design dos mesmos é o único que gosto. Mas precisam tanto de ser estofados porque o tecido, esse sim, está a ficar velho do uso e têm nódoas que já não saem. Está nos nossos planos, mas é caro e quando definimos prioridades, fica sempre para ultimo. Durante alguns anos tiveram com umas colchas de algodão para proteger, esconder as nódoas e tapar a necessidade que sentiamos em mudar o aspecto da sala. O ano passado comprei umas mantas mais coloridas na tentativa de os tornar mais confortáveis, mas não deixavam de ser mantas e não tapavam a totalidade.

 

Desta vez é que foi, longe do objectivo de mandar estofar, encontrei umas capas que consegui adaptar muito bem e a um preço muito em conta. Após 6h a cozer as barras para não ficarem visíveis, passar a ferro e compor umas capas, que não são exactamente á medida mas que encaixam muito bem, o resultado foi superior ao esperado. A sala parece outra e os sofás parecem novos. 

 

#querido mudei os sofás

sofas1.jpg

sofás2.jpg

 todososdias

 

Mandar estofar continua nos planos, mas está ainda muito em baixo na lista das prioridades. Quem sabe um dia.

 

Uma (re)decoração que me encheu de ideias para alguns pormenores que vão tornar a sala mais acolhedora nesta estação que agora começou. (re)ciclar almofadas e abajur já está nos planos, e já estou a por mãos á obra!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Back to School - (re)decorar ♥

todosdias, em 08.09.15

caderno novo 3.jpg

 

"todososdias"

 

"Se você trabalhar com forças boas, será guiado na direção certa e entrará em harmonia com a natureza." Lenda do filtro dos sonhos

 

Por aqui preferem-se cadernos A4, de capa dura, todos anos iguais: simples, sem desenhos e com possibilidade de serem divididos para várias disciplinas de modo a ser mais prático para o dia-a-dia. Todos os anos sugiro a possibilidade de os (re)decorarmos, com tecido ou outros materiais, mas a minha filha acaba sempre por nunca querer e ficam sempre como os compramos. Este ano foi excepção, após ter visto um vídeo que adorou, resolvi ajudar e metemos mão à obra. Primeiro procuramos os autocolantes de modo a decidir quais os materiais que necessitaríamos de comprar para completar a (re)decoração. Por coincidência encontramos iguais aos do vídeo, excepto o "filtro dos sonhos". Não resisti e resolvi eu própria, (re)aproveitando autocolante prateado que tinha cá em casa. Uma pesquisa na net para encontrar um filtro que fosse simples de desenhar e principalmente de o recortar. No final optámos por plastificar. (Nota: a cartolina azul, onde colámos os autocolantes, não está colada ao caderno de modo a que se ela quiser (re)decorar novamente basta descolar o que plastificamos.) Gostei muito de fazer e de como ficou. E principalmente porque o fizemos as duas, soube tão bem!

 

O filtro dos sonhos serve como uma mandala para inspirar a criatividade, imaginação e ajudar a transformar todos os sonhos e objetivos em realidade.

 

Que este filtro te inspire e te ajude a transformar todos os sonhos em realidade neste novo ano que agora começa. Muitas forças boas. Amo-te filha!

 

Filtro dos sonhos: é um amuleto típico da cultura indígena norte-americana que, supostamente, teria o poder de purificar as energias, separando os "sonhos negativos" dos "sonhos positivos", além de trazer sabedoria e sorte para quem o possui. Também chamado de "Caçador de sonhos", "Espanta pesadelos" ou "Catasonhos", o dreamcatcher - nome original em inglês do filtro dos sonhos - é considerado um símbolo dos costumes e da cultura indígena norte-americana. O filtro dos sonhos consiste num círculo. Os sonhos bons (aqueles que possuem mensagens importantes) teriam a capacidade de passar pelo circulo formado no centro da teia, enquanto que todas as energias malignas ficariam presas nos fios da teia. A pena simboliza a respiração e o ar, elemento essencial para a vida.

 

Vamos a contas: Não é preciso gastar um dinheirão para se ter coisas giras e ainda por cima personalizadas. 

Caderno A4 capa dura, pautado 160fls. - 2,39€

Autocolantes - 3,99€

Cartolina - 0,69€

Total: 7,07€ (tendo em conta que o caderno dá para 5 disciplinas, o custo foi de 1,14€ por disciplina)

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Preserverança

" Jogo a minha rede no mar da vida e às vezes, quando a recolho, descubro que ela retorna vazia. Não há como não me entristecer e não há como desistir. Deixo a lágrima correr, vinda das ondas que me renovam, por dentro, em silêncio: dor que não verte, envenena. O coração marejado, arrumo, como posso, os meus sentimentos. Passo a limpo os meus sonhos. Ajeito, da melhor forma que sei, a força que me move. Guardo a minha rede e deixo o dia dormir. Com toda a tristeza pelas redes que voltam vazias, sou corajosa o bastante para não me acostumar com essa ideia. Se gente não fosse feita pra ser feliz, Deus não teria caprichado tanto nos detalhes. Perseverança não é somente acreditar na própria rede. Perseverança é não deixar de crer na capacidade de renovação das águas. Hoje, o dia pode não ter sido bom, mas amanhã será outro mar. E eu estarei lá na beira da praia de novo. " Ana Jacomo

Direitos de autor

* Todas as fotos/imagens que tenham "todososdias" são minhas. Todas as outras, são retiradas da internet e estão aqui porque aparentemente são públicas. * Qualquer correção na citação da autoria (imagens ou mensagens) é só entrar em contato para eu poder corrigir.


Dias antigos

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D



Recortes_Sapo_Out12

recortes_sapo_ago14

destaques_Sapo_Dez14

destaques_Sapo_Ago18