Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Mudança de estado de espírito

todosdias, em 17.11.23

estado3.jpg

Quando estou dispersa ou preciso acalmar quando estou hiperativa, nada mais simples que usar a Técnica de respiração em quatro pontos, que me permite encontrar o ritmo sempre que saio da sincronia e acalmar rapidamente em qualquer altura ou em qualquer lugar.

Respiração em quatro pontos (L. Palladino):

Primeiro, olhar em redor e encontrar algo que tenha quatro cantos (um quadro, uma janela, uma porta). Começar:

1. Olhar para o canto superior esquerdo e inspirar contando até 4

2. Mover o olhar para o canto superior direito e suster a respiração contando até 4.

3. Mover o olhar para o canto inferior direito e expirar contando até 4

4 .Mover o olhar para o canto inferior esquerdo, e dizer mentalmente as palavras “Relaxa, relaxa, sorri”.

Utilizar em qualquer altura em que seja necessária uma mudança rápida de ritmo. Olhar um ponto focal fora de nós próprios, quebra os sentimentos de auto-absorção tais como preocupação, falta de autoconfiança e culpa. E a prática de respiração consciente ajuda a centrar e a regressarmos ao momento presente.

Pode-se repetir quantas vezes quisermos, até sentirmos que atingimos o ponto de mudança de ritmo pretendido.

Autoria e outros dados (tags, etc)

páscoa.jpeg

"A vida não precisa de dias para ser celebrada. A vida, na sua essência, arranja sempre razão para estarmos felizes e gratos por ela. Estou e sou imensamente grata pela família que tenho, pela família que escolhi e pela vida que, com coragem, vou mudando, à minha maneira. Sabemos que estamos no caminho certo quando escolhemos viver o caminho da verdade, da verdade dentro de nós e da verdade que parte de nós para os outros, sendo que também nos outros está algo de nós que precisamos cuidar. Grata à vida." B. Sobral 

Estas palavras encontraram-me… Gratidão é um verbo que gosto muito de conjugar…todos os dias!

Páscoa Feliz!

Autoria e outros dados (tags, etc)


E hoje é o dia da poesia 🌿

todosdias, em 21.03.23

Screenshot_20230321_213602_Tumblr.jpg

Quero apenas cinco coisas...

Primeiro é o amor sem fim
A segunda é ver o outono
A terceira é o grave inverno
Em quarto lugar o verão
A quinta coisa são teus olhos..
Não quero dormir sem teus olhos.
Não quero ser... sem que me olhes.
Abro mão da primavera para que continues me olhando.

Pablo Neruda

                                   página 80 de 365

Autoria e outros dados (tags, etc)

lista.jpg

Quando se inicia um novo ano, um novo recomeço, há na agenda (nova) uma lista de resoluções vs metas que se fazem. Faço sempre listas para mim, listas para eles, listas para a casa, faço listas para tudo (todos os dias) que me ajudam a manter o foco e a gestão da minha energia, mas esta quero trazer sempre por perto:

- estar ao lado de quem aprecia a minha presença

- oferecer o meu tempo para quem faz o meu tempo valer a pena; e

- cuidar de quem cuida de mim

página 5 de 365

Autoria e outros dados (tags, etc)


resumo desta semana

todosdias, em 14.10.22

flor.jpg

“Os seres humanos foram desenhados para serem felizes. E se a vida nos pregar partidas, basta reinicializar o programa e voltar ao ‘’modo felicidade’’.  Mo Gawdat, a equação da felicidade

Estas palavras encontraram-me… eu já sabia que a semana ia ser difícil, sabia que quando chegasse a sexta-feira eu estaria em modo “insuportável”, no entanto esse modo chegou logo ao segundo dia. Cinco horas do meu dia perdida em transportes, e uma noite demasiadamente mal dormida foram o mote para eu premir o botão “rewind” e mudar a minha rotina o resto da semana. Nem pensar ficar presa num ciclo de emoções negativas, stress e ansiedade. Nem pensar continuar a olhar para o relógio de 5 em 5 minutos, continuar a correr para suportar longas filas e muito menos chegar muito tarde ao trabalho e a casa. Mo Gwadat dá um exemplo muito simples: ”… se numa máquina de fazer salsichas, pusermos sapatos, não se pode esperar uma iguaria. A máquina não tem qualquer problema, mas a forma como a usamos não é correta.”. Bastou mudar apenas 30 minutos na minha rotina, e usá-los por três dias de forma correta. Chego ao dia de hoje muito cansada, mas muito mais tranquila e em paz.

Levanto-me 30 minutos mais cedo, chego uma hora antes ao trabalho, sem correria em contra-relógio, saio do trabalho 30 minutos mais cedo e ainda consigo chegar a horas decentes a casa. Bom, como não posso fazer greve, não posso ficar em teletrabalho, não posso chegar tarde porque tenho que compensar (um dia é uma coisa agora uma semana inteira é outra), só me resta mudar a maneira como uso os transportes públicos e viver um dia de cada vez… até porque para a semana tudo volta ao normal. O importante é manter o foco, mesmo nos dias em que tudo parece mais difícil, e ser feliz não é igual a não ter dias maus. E é assim mesmo!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Resumir agosto ☀

todosdias, em 31.08.22

salgados2.jpg

Acordar com dias de Verão a sério é outra vida, dias sem horas para nada. O Sul, o calor, o sol imenso e o céu azul fazem de mim uma pessoa melhor. Do mar e do sal na pele, das sestas durante a tarde e das muitas leituras (@edasgaivotasaacompanhar), dos jogos e dos risos, dos gelados e dos petiscos, do muito que somos quando estamos juntos, das coisas pequenas que são tão boas.

Outra inspiração, outra motivação, outra energia e outra perspetiva do que ando aqui a fazer. Regressámos mais otimistas, mais leves, mais arejados, mais desempoeirados e de pazes feitas com a vida. Mesmo quando nem tudo é bom, nem todas as notícias animadoras, nem todos os planos se cumprem, nem todos os objetivos se alcançam, nem todas as pessoas são boas e nem todas as coisas encaixam na visão mais positiva que temos da vida.

Era suposto ser o plano 'B' do nosso agosto, no entanto, à ultima da hora a vida encarregou-se de nos brindar com mais dias no nosso Sul, mas ainda houve tempo para o plano 'A' com 'saltinho' até à aldeia onde o tempo também pára, onde desconectamos...E depois...depois enchemos o peito de ar. Com a força maior do amor que nos une, grata à vida todos os dias. E é assim mesmo!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Preserverança

" Jogo a minha rede no mar da vida e às vezes, quando a recolho, descubro que ela retorna vazia. Não há como não me entristecer e não há como desistir. Deixo a lágrima correr, vinda das ondas que me renovam, por dentro, em silêncio: dor que não verte, envenena. O coração marejado, arrumo, como posso, os meus sentimentos. Passo a limpo os meus sonhos. Ajeito, da melhor forma que sei, a força que me move. Guardo a minha rede e deixo o dia dormir. Com toda a tristeza pelas redes que voltam vazias, sou corajosa o bastante para não me acostumar com essa ideia. Se gente não fosse feita pra ser feliz, Deus não teria caprichado tanto nos detalhes. Perseverança não é somente acreditar na própria rede. Perseverança é não deixar de crer na capacidade de renovação das águas. Hoje, o dia pode não ter sido bom, mas amanhã será outro mar. E eu estarei lá na beira da praia de novo. " Ana Jacomo

Direitos de autor

* Todas as fotos/imagens que tenham "todososdias" são minhas. Todas as outras, são retiradas da internet e estão aqui porque aparentemente são públicas. * Qualquer correção na citação da autoria (imagens ou mensagens) é só entrar em contato para eu poder corrigir.


Dias antigos

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2013
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2012
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2011
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D