Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




We´re far

todosdias, em 15.11.18

Shallow (feet. Bradley Cooper)

Lady Gaga

 

Tell me something, girl
Are you happy in this modern world?
Or do you need more?
Is there something else you’re searching for?

I’m falling
In all the good times
I find myself longing for change
And in the bad times I fear myself

Tell me something, boy
Aren’t you tired trying to fill that void?
Or do you need more?
Ain’t it hard keeping it so hardcore?

I’m falling
In all the good times
I find myself longing for change
And in the bad times I fear myself

I’m off the deep end, watch as I dive in
I’ll never meet the ground
Crash through the surface
Where they can’t hurt us
We’re far from the shallow now

In the shallow, shallow
In the shallow, shallow
In the shallow, shallow
We’re far from the shallow now

I’m off the deep end, watch as I dive in
I’ll never meet the ground
Crash through the surface
Where they can’t hurt us
We’re far from the shallow now

In the shallow, shallow
In the shallow, shallow
In the shallow, shallow
We’re far from the shallow now

                                   

 (Musica linda ♥ )

Têm sido a minha companhia e marcado estas minhas longas tardes, que nem sei bem explicar o que são. Toca a toda a hora na rádio, parece que é a musica do momento ...toda a gente partilha...  e eu também.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


...

todosdias, em 31.08.18

... dificil, muito dificil mesmo...

... alguma coisa vai ter que acontecer...

Autoria e outros dados (tags, etc)


Agir

todosdias, em 22.03.18

 

caminho.jpg

 

“Os que, para agir, esperam sempre que tudo seja perfeito, jamais realizarão alguma coisa” Monsenhor Ancel

 

Estas palavras encontraram-me...os últimos tempos estão a ser muito duros, tem dias que sinto que estou a agir no caminho certo, tem dias que sinto que este meu agir é procrastinar à espera da conjuntura perfeita e da energia perfeita.

Será que em vez estar a agir estou a enganar-me a mim própria? A "tapar o sol com a peneira", porque simplesmente tenho medo de não conseguir nem estar preparada para dar aquele salto, para arriscar, para conquistar ou para simplesmente mostrar o que sinto.

Haverá um tempo perfeito para o fazer? É claro que existem conjunturas melhores ou piores, mas perfeitas? Hummm...não me parece! Essa é apenas uma desculpa que a minha mente usa para que continue parada no meu cantinho, aparentemente, tão seguro e ao mesmo tempo tão inseguro.

Têm dias que sinto que este meu lutar e agir não é suficiente e que na maioria das vezes “fico a ver os navios passar”… O mais engraçado é que, mesmo assim, sou capaz de me queixar da vida e das poucas oportunidades que tive. Será que foram assim tão poucas? Será que não preferi fingir que não via?

Hoje acordei assim, pensativa e em retrospectiva...a analisar, a tentar encontrar dentro de mim resposta se é isto mesmo que desejo.

Como se costuma dizer “nem tudo o que luz é ouro” e esta solução fácil e rápida, acaba por me estar a emaranhar em problemas ainda maiores. 

O certo é que não posso ficar a lamentar-me de tudo o que não sou ou não tenho, melhor ou pior, perfeita ou imperfeita, tenho que realizar alguma coisa!

Autoria e outros dados (tags, etc)


têm sido assim

todosdias, em 09.01.18

dor.jpg

 

"Nas minhas preces de todo dia, sempre peço coragem e paciência. Coragem para continuar a superar as dificuldades do caminho naqueles que não me compreendem. E paciência, para não me entregar ao desânimo diante das minhas fraquezas..." Chico Xavier

 

O desânimo têm batido há porta...a tristeza têm tentado invadir o meu coração, ando cansada e nos meus dias tenho andado a sobreviver e não a viver .

Prioridade do momento é equilibrar a minha mente e respetivas confusões, gerir emoções que não me estão a deixar sair deste ciclo. Tratar cada uma das minhas amarguras e fraquezas com respeito, com firmeza e libertar-me da nuvem cinzenta que tenho em cima de mim, com a confiança de que sei que tenho muitos degraus para subir. 

O desânimo não vai entrar! E é assim mesmo!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


todosdias, em 12.03.17

O que a vida nos dá de mais valioso são as pessoas que guardamos no coração. Agradeço à vida a imensa sorte de ter sido tua neta.

Autoria e outros dados (tags, etc)


caminhos da vida

todosdias, em 26.02.17

“E o que será isso senão uma crueldade dos caminhos da vida. Uma crueldade do deve e haver da vida. Uma crueldade do comércio afetivo de que somos capazes. Incapazes de conservar tudo e todos, incapazes de sermos por tudo e de sermos por todos.”  Valter Hugo Mãe, A máquina de fazer espanhois

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Preserverança

" Jogo a minha rede no mar da vida e às vezes, quando a recolho, descubro que ela retorna vazia. Não há como não me entristecer e não há como desistir. Deixo a lágrima correr, vinda das ondas que me renovam, por dentro, em silêncio: dor que não verte, envenena. O coração marejado, arrumo, como posso, os meus sentimentos. Passo a limpo os meus sonhos. Ajeito, da melhor forma que sei, a força que me move. Guardo a minha rede e deixo o dia dormir. Com toda a tristeza pelas redes que voltam vazias, sou corajosa o bastante para não me acostumar com essa ideia. Se gente não fosse feita pra ser feliz, Deus não teria caprichado tanto nos detalhes. Perseverança não é somente acreditar na própria rede. Perseverança é não deixar de crer na capacidade de renovação das águas. Hoje, o dia pode não ter sido bom, mas amanhã será outro mar. E eu estarei lá na beira da praia de novo. " Ana Jacomo

Direitos de autor

* Todas as fotos/imagens que tenham "todososdias" são minhas. Todas as outras, são retiradas da internet e estão aqui porque aparentemente são públicas. * Qualquer correção na citação da autoria (imagens ou mensagens) é só entrar em contato para eu poder corrigir.


Dias antigos

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D



Recortes_Sapo_Out12

recortes_sapo_ago14

destaques_Sapo_Dez14

destaques_Sapo_Ago18